domingo, 17 de julho de 2011

James Mcavoy - X-men First Class


Eu tentei fazer o James Mcavoy, mas eu acho que não ficou bem parecido...

Aliás, devo comentar o quanto admiro o trabalho desse cara, não só por causa de seus trabalhos em adaptações de quadrinhos(ele também está em Procurado), mas em todo seu trabalho anterior. E dividindo cena com Michael Fassbender, fica difícil saber quem rouba mais a cena no filme, que está excelente.

Durante uns coments sobre um review do filme no site 100 grana, um amigo eu elogiou o filme e reclamou que não dava pra seguir além do que eles tinham criado pra franquia. E o cara é formado em Artes, assim como eu...

Em outra situação, tive uma discussão com um colega desenhista (um dos melhores que conheço, por sinal) em que o mesmo afirmou que certas manifestação artísticas (como as cinematográficas) carecem obrigatoriamente de seguir paradigmas pré-estabelecidos, como linearidade narrativa...

São pensamentos bem limitados, para dois grandes talentos da arte como esses. Ora, a arte contemporânea está aí para mostrar que qualquer paradigma pode ser rompido, e que as únicas limitações existentes são as pessoais de cada artista.
No que se refere a arte cinematográfica, temos como exemplo o Quentin Tarantino, que está cansado de mostrar que pode cantar e bordar com os tais paradigmas...

Um comentário:

  1. Adorei o desenho! Acho que ficou bem parecido; tenho lido alguns comentários de outros artistas de que ele é difícil de desenhar. Me pergunto por que - acho que talvez o James tenha um rosto muito expressivo, sempre "em movimento", sempre mudando, e isso talvez dificulte para se captar uma expressão definitiva, parada.
    Ele está mesmo brilhante em X-Men" :)

    ResponderExcluir